Conto Premiado

"45 Minutos"
- TERCEIRO LUGAR, CATEGORIA CONTO - CONCURSO DELICATTA III - Leia o texto.

Novidades

Acabo de fazer uma reforma no layout do blog. Agora os frequentadores poderão deixar recados no Mural de Recados, ou enviar mensagens privadas para meu e-mail diretamente do site. Tudo isso na barra lateral. Espero que gostem!

***

(...)


Foi quando me enviste o primeiro ollhar que de fato percebi o perigo a espreita. Cheguei a pensar em içar âncoras e velejar o mais rápido possível, ainda que os ventos não fossem favoráveis. Eis que a vontade suprimiu a razão e dei de ombros segundos depois. Fascinado pelo brilho azul que emanavas destes olhos me despi de qualquer preocupação e me rendi ao súbito desejo de a ti me entregar. E deixo então aqui registrado: quero te amar, mesmo que me custe abdicar de minha liberdade excessiva. Ainda que possa te parecer demasiado intenso, não esqueça que de ti me visto quando do mundo já não espero muito. Deixo aqui dito o quão feliz estou e o quanto ainda tenho a te dar e receber. Que venha o amor, a dor, o intenso e o pacato. De fato, pra você cá estou.

Alexandre C. Martins – 04 de julho de 2010

Um comentário:

Anônimo disse...

Lindooo...