Conto Premiado

"45 Minutos"
- TERCEIRO LUGAR, CATEGORIA CONTO - CONCURSO DELICATTA III - Leia o texto.

Novidades

Acabo de fazer uma reforma no layout do blog. Agora os frequentadores poderão deixar recados no Mural de Recados, ou enviar mensagens privadas para meu e-mail diretamente do site. Tudo isso na barra lateral. Espero que gostem!

***

Amor Sepultado


Dores sepultadas, lápides insinceros
Corredores cheios de cores e venenos
Do suor ao encontro magnânimo
Canoa brinca com a água rítmica

Capuzes negros, metamórficos
Luzes escondidas, vergonha iluminada
O caminho se faz, corre e engloba
Os jardins perdem-se em lava

Minutos, segundos, centésimos
Sentido macabro, mesmo infundado
Vai e vem, sobe e desce
Montanhas flamejantes, odores sufocantes

Travesseiro encharcado, desencantado
Cobertas e descobertas inevitáveis
Corpo e alma, selados, lacrados
No paraíso delirante de teus braços

Amor sem noção, sonho, conclusão
Mausoléu reconstruído, trancado
Nada mais além da saudade
A brincar com a foice mortal

Cinco minutos, nada mais.

Alexandre Cesar Martins - 03 de abril de 2009

3 comentários:

Carmelita T. Tomasoni disse...

Quer saber? Não ficou ótimo... Ficou maravilhoso!!!
Em cinco minutos!!!! Vc pode muito mais meu caro, pode crer!
Bjs mil!

SaLeSiO disse...

Realmente em cinco minuto na cabeça de um escritor como vc podem mudar a ideologia e a razão.

Filippe disse...

Ficou otimo adorei ...
continue asssim..
vc vai longe...
abracos